sábado, 31 de agosto de 2013

Capítulo 12/19 - Buraqueira da mulesta



Depois de muito tempo foi resolvido o problema e seguimos viagem. Quando chegamos a entrada, Joselito nos aguardava. Agora mudamos de rodovia, estávamos na PB 417 que liga a BR230 à BR116 passando por Cachoeira dos Índios.

O trecho até a cidade é totalmente esburacado, mal se cosegue uma velocidade razoável. Desta vez eu que puxei o pelotão, pois era o único de MTB, e os outros todos com magrelas e tinham que redobrar o cuidado porque se não os pneus furavam com o impacto nos buracos.


O trecho na cidade de Cachoeira dos Índios já estava bom. Passamos pela cidade de Cachoeira dos índios e o movimento estava animado na praça central. Todos paravam para olhar a gente passando, até escutei um “ÍRUHH”. Já se passavam das 20h quando encostamos no Posto Arizona já na BR116. Tomei água de côco e saboreei uma deliciosa coxinha, pois não aguentava comer tanto doce.

Próximo: Capítulo 13/19 - Subidas e mais subidas 

Comente com o Facebook:

Postar um comentário

compartilhe